O que fazer em Praga: roteiro para 3, 4, ou 5 dias com principais atrações 8



Nesta matéria apresentamos nosso roteiro com o que fazer em Praga, ideal para quem tem 3 até 5 dias na cidade. Selecionamos 20 atrações turísticas para você visitar em sua primeira visita a esta linda cidade, uma das mais bonitas da Europa. Nós a visitamos no mês de maio, primavera no hemisfério norte, e ficamos no total 5 dias por lá. Dividimos nosso roteiro da seguinte forma: 2 dias para passeios bate e volta até Karlovy Vary e Cesky Krumlov, e mais 3 dias inteiros para conhecer as principais atrações em Praga.

Além de mostrar o que fazer na cidade, vamos mostrar também um mapa com a localização de cada uma delas, dar dicas de onde comer e se hospedar na cidade, e como usar o transporte público em Praga.

A Ponte Carlos, o rio Moldava e o centro histórico de Praga

A Ponte Carlos, o rio Moldava e o centro histórico de Praga

O que fazer em Praga | 20 Principais atrações turísticas

No primeiro dia em Praga decidimos começar pelo centro histórico da cidade – que é Patrimônio Mundial da Unesco desde 1992. Esse é um bom passeio para você também se ambientar à cidade. Fizemos quase tudo a pé – pegamos um único metrô no final do dia. Vamos lá!

1. Praça da Antiga Prefeitura (Old town square)

Na praça da antiga Prefeitura (Staroměstské náměstí em Tcheco) já ficam 4  atrações para você conhecer em Praga:

  • O prédio da Antiga Prefeitura, fundada na Idade Média (em 1338);
  • O famoso relógio astronômico de Praga, instalado em uma das paredes da Antiga Prefeitura;
  • A Galeria Nacional de Praga (para informações sobre as exposições de arte clique aqui);
  • A belíssima igreja gótica Church of Our Lady before Týn, construída no século XIV.

A Antiga Praça da Prefeitura é um lugar de visita obrigatória em Praga e que você fatalmente irá passar mais de uma vez, pois fica bem no meio do centro histórico e as ruazinhas nos arredores estão cheias de restaurantes.

Músicos tocando na old town square em um dia agradável e com céu azul em Praga:

Praça da Antiga Prefeitura (Old town square), em Praga

Praça da Antiga Prefeitura (Old town square), em Praga

2. Relógio Astronômico

O prédio da Antiga Prefeitura da Praga e seu Relógio Astronômico, com símbolos do zodíaco, sol, lua, horários do nascer e por do sol, incrivelmente detalhado. Para mais informações sobre o relógio clique qui.

Antiga Prefeitura da Praga e seu Relógio Astronômico

Antiga Prefeitura da Praga e seu Relógio Astronômico

DICA: a cada hora completa, um mecanismo interno do relógio astronômico é acionado, e aquelas duas janelinhas lá de cima se abrem. Então começa o “desfile dos apóstolos”, 12 estatuetas passam uma a uma pela janelinha e dão uma olhadinha para o público. Enquanto a estátua do  esqueleto, que simboliza a morte, fica balançando o braço direito, parecendo ditar o tempo enquanto toca um sininho… é bem divertido!

3. Powder Tower e Casa Municipal de Praga

Seguindo pela rua Celetná, 500m adiante ficam mais 2 atrações turísticas de Praga, a Powder Tower e a Casa Municipal de Praga, uma ao lado da outra:

Powder Tower e Casa Municipal de Praga

Powder Tower e Casa Municipal de Praga

A Powder Tower  foi construída no século XV e é para mim a mais bela de todas as torres de observação de Praga. A razão disto é que ela não uma era mera torre de defesa, era o marco de entrada na cidade de Praga e também tinha uma função cerimonial: começava aí a cerimônia de “posse” dos reis da Boemia, que seguiam desfilando pela cidade até seu coroamento no castelo de Praga. Os vitrais internos, apesar de pequenos, são também muito bonitos.

T4i2015 - 0948

A vista da cidade lá de cima também vale a pena, dá para ver a igreja de Nossa senhora de Týn, a torre do relógio astronômico (à esquerda da igreja) e o castelo de Praga:

IMG_8981

Para subir na Powder Tower, anote aí o preço e os horários de visitação:

Preço do ingresso: 95 coroas tchecas por pessoa;

Horários de funcionamento:

  • Novembro a Fevereiro: das 10:00 às 18:00hs;
  • Março:  das 10:00 às 20:00hs;
  • Abril a Setembro:  das 10:00 às 22:00hs;
  • Outubro:  das 10:00 às 20:00hs;

Para mais informações consulte o site oficial.

4. Torre de televisão de Praga

No ano 2000, o famoso escultor tcheco David Cerny instalou uma série de bebezinhos engatinhando nas paredes da torre de TV de Praga (Žižkov tower), e fizeram tanto sucesso que ficaram instalados lá definitivamente:

Apesar desta torre fica um pouco fora de mão (está fora do centro histórico), você conseguirá vê-la do alto das torres e  mirantes que citamos nesta matéria. Da Powder Tower tem-se a vista mais próxima.

5. Wenceslas Square

Da Powder tower, seguimos rumo à Wenceslas Square – são apenas 600m a pé. Esta é uma das praças mais importantes de Praga. Além de palco de celebrações de eventos, muitos fatos históricos que marcaram a história recente do país aconteceram nesta praça:

T4i2015 - 0964

No dia que passamos por lá havia uma exposição fotográfica muito interessante, que contava um pouco do que aconteceu por ali no passado da cidade:

1939 – Após o estabelecimento do protetorado da Boemia e Moravia em 1939, tanques alemães atravessam a Wenceslas Square, observados pela população nas calçadas:

T4i2015 - 0968

1941 – Durante a segunda guerra mundial, a Tchecoslováquia foi invadida pela Alemanha nazista em 1939 e permaneceu ocupada até 1945. A Wenceslas Square foi palco de diversos desfiles de suporte ao protetorado nazista:

T4i2015 - 0967

1953 – Durante a década 1950, em um dos momentos mais duros da ditadura comunista  na Tchecoslováquia, uma multidão se reuniu na Wenceslas Square em cerimônia de luto do ditador Stalin, em 9 de março de 1953:

T4i2015 - 0966

1960 – A vitalidade de Wenceslas Square era resultado do hub de transporte que aí se instalou: enquanto pedestres esperavam para pegar um tram (os bondes são chamados assim na europa) ou ônibus, acabavam sempre consumindo algo nos cafés e lojas ao redor.  Com a fim do sistema de trams, a parte superior da Wenceslas Square perdeu um pouco dessa vitalidade:

T4i2015 - 0969

6. Duque de Venceslau

Na rua Vodickova, que é uma das travessas da Wenceslas Square, fica a Passagem Lucerna. Ali está uma das esculturas polêmicas de Cerny (alias, ele só faz esculturas polêmicas): O duque São Venceslau cavalgando em um cavalo morto e ainda de pernas para cima!

Escultura de Cerny do Duque São Venceslau

Escultura de Cerny do Duque São Venceslau

Mas quem foi São Venceslau? foi um duque da Boêmia no século X, assassinado ainda muito jovem (aos 27 anos) pelo seu próprio irmão, que lhe usurpou o trono. Foi transformado em santo pela Igreja Católica e em herói ao longo da formação da nação Tcheca. Você irá ver esse nome (em Tcheco: Václav ) em tudo quanto é lugar em Praga!

A obra de Cerny não está alí de graça: veja a escultura de 1913 instalada na parte alta da Wenceslas Square. Ali está ele, o herói da nação Techca: São Venceslau, mas desta vez cavalgando um cavalo “vivo” e de cabeça para cima! A ideia de Cerny é naturalmente provocar reflexão sobre os rumos da nação Tcheca e quem anda a comandá-la…

T4i2015 - 0971

7. Ponte Manesuv

Essa ponte acabou virando uma atração em Praga muito mais pela vista que proporciona da ponte Carlos e da Torre Old Town Bridge Tower (Staroměstská mostecká věž):

T4i2015 - 0986

8. Museu Franz Kafka

Atravessamos a ponte para o outro lado – ali já é região de Malá Strana, e seguimos caminhando rumo a ponte Carlos, mas passamos antes pelo Museu Franz Kafka:

Museu Franz Kafka

Museu Franz Kafka

Não entramos, para mais informações sobre o museu, como preço das entradas e horários, clique aqui. Na pracinha que fica em frente ao museu tem outra escultura polêmica de Cerny: Dois homens urinando no mapa da República Tcheca. Neste dia o xixi estava desligado:

escultura Cerny homens urinando República Tcheca

escultura polêmica de Cerny: Dois homens urinando no mapa da República Tcheca

Próximo ao Kafka Museum tem um lugar bem legal para tirar uma foto com a Ponte Carlos ao fundo. Anote aí esta dica!

9. Lesser Town Bridge Tower

Daí, seguimos para nossa última visita em nosso roteiro deste dia de passeio em Praga: a Ponte Carlos e a torre de observação Lesser Town Bridge Tower (Malostranská mostecká věž):

Torre observação Lesser Town Bridge Tower

Torre de observação Lesser Town Bridge Tower em Praga, na região de Malá Strana

Horários de funcionamento:

  • Novembro a Fevereiro: das 10:00 às 18:00hs;
  • Março:  das 10:00 às 20:00hs;
  • Abril a Setembro:  das 10:00 às 22:00hs;
  • Outubro:  das 10:00 às 20:00hs;

Para mais informações consulte o site oficial da Lesser Town Bridge Tower.

10. Ponte Carlos

A Ponte Carlos (Karlův most) é a ponte mais bonita que visitamos na cidade – com certeza uma das atrações imperdíveis em Praga! É também a ponte mais antiga da cidade, sua construção começou no ano de 1357 a mando do rei Carlos VI – daí o seu nome. Por séculos foi a via mais importante da cidade: ligava o centro histórico ao Castelo de Praga.

Ponte Carlos (Karlův most) anoitecer

É uma ponte super fotogênica, e para quem quiser algumas dicas de locais para fotografá-la, anote aí:

  • Da Ponte Manesuv: daqui você terá uma vista completa da Ponte Carlos

Ponte Carlos vista da Ponte Manesuv

  • Da Lesser Town Bridge Tower: do alto dessa torre você terá uma vista “longitudinal” da ponte;

  • Próximo ao Kafka Museum: este é ao nosso mer o melhor ângulo para fotografar a Ponte Carlos (marquei no mapa ao final desta matéria). Você sai na foto e a ponte em perspectiva ao fundo, fica muito legal!

Daí seguimos para o observatório da Old Town Hall Tower, e encerramos nosso primeiro dia de passeio em Praga.

11. Observatório da Old Town Hall Tower

Lembram do relógio Astronômico? Há um portão que fica bem a esquerda dele, aí fica o acesso para mais uma atração turística dessa praça: a torre de observação da antiga prefeitura (The Old Town Hall Tower). É a torre do próprio relógio astronômico, não deixe de subir, a vista lá de cima é fantástica, vale muito a pena! Nós adoramos!!

A Old Town Square e a Church of Our Lady before Týn vistos do alto da Old Town Hall Tower:

Old Town Square Church of Our Lady before Týn

E a Igreja de São Nicolau em reforma – detalhe, existem duas igrejas com esse nome em Praga, essa aí de baixo fica na Old Town Square, e a outra fica no bairro de Malá Strana, falo dela mais adiante.

Igreja de São Nicolau

Aqui termina o primeiro dia de passeio em Praga, onde conhecemos o centro histórico da cidade. As próximas atrações fizemos no dia seguinte – nosso segundo dia em Praga.

12. Castelo de Praga e Catedral de São Vito

Iniciamos nosso roteiro do segundo dia em Praga com o Castelo de Praga (Pražský hrad) e os atrativos ao seu redor: os Jardins Reais do Castelo de Praga (Královská zahrada), a Catedral de São Vito, fundada por São Venceslau, e Basílica romana de São Jorge – todos ficam dentro do complexo do Castelo de Praga.

Como chegar no castelo de Praga: Para chegar ao castelo, pegamos o metrô até a estação Malostranská , e depois o tram número 22 (lembrando que na estação Malostranská passa metrô e tram na superfície). O tram 22 nos deixou praticamente de cara com jardins reais do castelo de Praga – é só descer no ponto de tram chamado Pražský hrad – bem intuitivo!

Jardins Reais do Castelo de Praga:

Na sequência, visitamos a Catedral de São Vito, linda tanto por fora quanto por dentro, tem lindos vitrais, obras de arte e esculturas, não deixe de entrar!

Interior da Catedral de São Vito

Interior da Catedral de São Vito

 T4i2015 - 1222

Lá dentro está exposta uma réplica da Coroa de São Venceslau, a original foi feita em 1344 em homenagem a ele:

Réplica da Coroa de São Venceslau

Réplica da Coroa de São Venceslau

Basílica de São Jorge: fundada no início do século X pelo príncipe Vratislav I, serviu de cemitério para seus descendentes. Visite se estiver com tempo sobrando, mas não é uma atração essencial para visitar em Praga.

13. Comer o Trdelnik

Mais a frente, um mirante para ver a Cidade de Praga. Nesse dia não demos muita sorte, choveu quase o dia todo!! Ainda fizemos uma parada antes de ir embora do castelo – para comer o Trdelnik! É uma massa assada açucarada muito popular no leste europeu. Muito bom, vale a pena gastar algumas moedinhas de euros no doce!

Comer o Trdelnik em Praga

Comer o Trdelnik em Praga

Para mais informações sobre como visitar o Castelo de Praga, horários, valores dos tickets, etc, consulte o site oficial clicando aqui.

Encerramos nossa visita ao Castelo e seguimos caminhando até a estação Malostranská, onde vamos pegar esse tram aí de baixo, o no.22 (também servem o 12 ou 20):

Transporte Público Praga Trams

Transporte Público em Praga: os Trams (bondes)

Próximos pontos turísticos a visitar em Malá Strana: Igreja de São Nicolau, o Memorial das Vítimas do comunismo,  Museu Kampa e os “bebes sem rosto” de Cerny.

14. Igreja de São Nicolau

Para chegar na Igreja de São Nicolau, descemos no ponto Malostranské náměstí, a igreja fica logo ao lado:

Por dentro da Igreja de São Nicolau – Praga – República Tcheca

Por dentro da Igreja de São Nicolau – Praga – República Tcheca

A Igreja de São Nicolau, por fora você não dá muita coisa, mas por dentro… surpreende em cada detalhe! Não deixe de entrar, é linda por dentro, não vai se arrepender!

15. O bebês gigantes sem rosto, de Cerny

Seguimos a pé para o Museu Kampa. Nosso interesse eram as esculturas de Cerny, desta vez os bebês gigantes sem rosto. A ausência de rosto remete a busca de identidade do povo Tcheco, quase uma obsessão nas obras de David Cerny.

T4i2015 - 1256

16. Muro de John Lennon

Por estes lados fica uma outra atração chamada  “muro de John Lennon”. Apesar do Beatle nunca ter passado por aí, esse muro tem um significado especial para os Tchecos: durante a década de 80, ainda sob o regime da ditadura comunista, estudantes pichavam o muro com letras de música (algumas do John Lennon), poemas e críticas ao governo, o que levou a um conflito entre ambos, com prisões e enfrentamentos. Tornou-se desde então um símbolo da luta pela liberdade de expressão na Tchecoslováquia Comunista. Fica em Malá Strana, próximo ao Museu Kampa:

IMG_9209

Esse foi nosso roteiro para o segundo dia de passeio em Praga. Jantamos em um restaurante próximo desta região (para ver nossas dicas de restaurantes em praga clique aqui) e voltamos para nosso hotel.

Nosso roteiro para o terceiro dia em praga inclui as seguintes atrações:

  • Torre Petrin,
  • Memorial das Vítimas do comunismo
  • Casa Dançante.
  • Bater perna pelas lojinhas do centro histórico de Praga

O roteiro deste dia foi na verdade meio dia de passeio pelas atrações, o resto dele tiramos para bater perna pelas lojas de praga.

17. Torre Petrin

Este é um dos observatórios mais altos da cidade de Praga. A vista lá de cima é espetacular! Para chegar até a Petrin Tower, pegamos metrô até Malostranská, e depois o tram 22, 12 ou 10. Desça em Hellichova ou Újezd, a funicular que leva até a torre fica entre estas duas estações.

DICA: você pode usar seu bilhete do transporte público de Praga para pagar o funicular da Petrin tower. Exemplo: digamos que você tenha comprado o bilhete de 90 min, e pegou um tram até o funicular. Chegando lá, pode entrar no funicular sem pagar, porque estará usando o direito de integração – o funicular conta como se fosse outro tram, ônibus ou metrô. Fica aí a dica! No entanto, para subir na Petrin tower não tem como escapar, tem que pagar:

Torre Petrin em Praga

Torre Petrin em Praga

Do alto da torre Petrin vê-se praticamente Praga inteira. O Castelo de Praga e Catedral São Vito:

T4i2015 - 1287

A igreja de São Nicolau:

T4i2015 - 1293

O rio Moldava, ponte Carlos e suas duas torres de observação – Lesser Town e Old Town Bridge Tower, e a igreja de Nossa Senhora de Tyn ao fundo:

T4i2015 - 1295

O moderno Prédio Dançante visto da Petrin Tower:

T4i2015 - 1301

Se olhar mais longe ainda, na periferia da cidade, verá muitas construções do regime comunista, popularmente denominadas de Paneláks – que significa painéis, ou seja, prédios construídos de painéis pré-moldados. Vimos Paneláks em todas as cidades que visitamos na República Tcheca, também em Budapeste na Hungria e em Bratislava – Eslováquia.

Panelaks Prédios painéis pré-moldados regime comunista

Panelaks – Prédios construídos de painéis pré-moldados durante o regime comunista nos países do Leste Europeu

18. Memorial das Vítimas do Comunismo

Seguindo com o passeio, a próxima atração a visitar é o Memorial das Vítimas do Comunismo:

T4i2015 - 1270

Apesar do memorial ser simples, as esculturas nos causaram uma forte impressão, não sei se também pelo dia chuvoso e nublado, mas a ausência de pedaços nos corpos das esculturas nos deram a impressão de que algo estava faltando  na vida daquelas pessoas ou que lhes foi retirado… para ir e sentir:

Memorial das Vítimas do Comunismo

Memorial das Vítimas do Comunismo

19. Casa Dançante

Última atração turística deste dia: a casa dançante de Praga (Dancing House ou Tancini Dum em Tcheco), já havíamos visto ela lá de cima, agora aqui de baixo. Pegamos o tram 22, depois o 17. Se for andando, dá quase 1,5km a partir do Memorial das Vítimas do Comunismo.

O Prédio realmente parece estar dançando… e a sacadinha parece um braço envolvendo o outro prédio, bem legal!

Casa Dançante

Casa Dançante

Outra atração turística famosa em Praga é o Vysehrad, mas fica um pouco fora de mão, e como não queríamos nada muito corrido, não o visitamos. Pelo resto do dia, batemos pernas pelas lojinhas do centro histórico.

20. Bater perna pelas lojinhas do centro histórico de Praga

As lojas de cristais chamaram nossa atenção, há uma infinidade delas em Praga. Os cristais tchecos merecem a fama que tem, cores e formas maravilhosas:

T4i2015 - 1313

No meio da caminhada, nos deparamos com uma obra de arte inusitada: Freud pendurado por uma das mãos… obviamente de Cerny! Fica na rua Husova com a Jilska:

T4i2015 - 1007

Qual a melhor época para visitar Praga?

No verão, durante os meses de julho e agosto, é período de férias na república Tcheca (e em toda a Europa), então prepare-se para encontrar Praga lotada de turistas e hotéis mais caros. São também os meses mais quentes do ano em Praga. A partir de setembro, o número de turistas vai diminuindo, junto com a temperatura. O Inverno em Praga é a época mais vazia, mas também a mais fria, com temperaturas próximas a zero graus e neve.

No mês de maio – o mês em que fomos – é primavera em Praga, e acontece o famoso festival internacional de música de Praga, também conhecido como a “Primavera de Praga”. Em virtude disso, a cidade também fica cheia, ainda que não tanto quanto julho e agosto. Mesmo assim, pegamos dias bem cheios em Praga:

T4i2015 - 1308

Em maio as temperaturas ficam entre 10 e 20 graus célsius – é preciso levar um agasalho! Os meses de maio, junho, julho e agosto são também os 4 meses mais chuvosos do ano –  e nós confirmamos isto, dos 5 dias que estivemos em praga, pegamos chuva em mais da metade deles – tudo bem que uma chuvinha fraca, mas com o perrengue de carregar o guarda chuva.

Temperaturas nos meses do ano em Praga:

image

Precipitação de Chuvas em Praga:

image

[fonte: weather.com ]

Fazendo um balanço entre cidade cheia de turistas x temperatura, os melhores meses para visitar Praga são ao meu ver maio (apesar da chuva!) e setembro. A Erika achou Praga uma cidade legal para se visitar em casal, então considera o outono (outubro e novembro), com toda a cor típica da estação, uma boa época para visitar Praga em uma viagem a dois, nos moldes da que fizemos em Viena.

Como usar o transporte público em Praga ?

Para nós turistas, o sistema de transporte público em Praga é bem simples de usar. Existem diversos tipos de bilhetes, anuais, mensais, diários e avulsos. Para simplificar, vou falar apenas dos bilhetes para uso turístico, são 4:

  • Basic CZK$ 32,00: bilhete avulso, e caso precise você tem até 90 min para fazer a integração com outro transporte   (ônibus/tram/metrô)
  • Short-term CZK$ 24,00: bilhete avulso para viagens mais curtas, e caso precise você tem até 30 min para fazer a integração com outro transporte   (ônibus/tram/metrô)
  • 1 day CZK$ 110,00: bilhete válido por 24h a partir da validação
  • 3 daysCZK$ 310,00: bilhete válido por 72hs a partir da validação

quanto-custa-tarifa-do-metro-praga-republica-tcheca

Eis dois deles, um diário e outro avulso de 30min:

Você pode comprá-los nessas maquininhas de auto atendimento (só aceitam moedas):

IMG_9003

Pode também comprar os tickets nos guichês nas estações de Metrô.

DICA IMPORTANTE: é necessário validar seu ticket antes de usá-lo pela primeira vez. No caso do metrô, existem caixinhas amarelas perto das catracas, valide seu ticket aí:

validar

No caso dos Trans, você deve validar seu ticket no interior dos veículos, em caixinhas amarelas como esta. É só enfiar o seu bilhete e ele sai validado. Valide uma única vez, e a partir daí começa a contar o prazo de validade do seu bilhete.

Como andar de bonde (tram) em Praga

Como andar de bonde (tram) em Praga

Bagagem e carrinho de neném vazio pagam passagem, o preço é de 16 coroas tchecas. Cachorros não pagam (a exceção da linha airport express – aí é pago). Mais informações consulte o site oficial do transporte público de Praga clicando aqui.

image

Estação Staroméstská do metrô:

Como usar o metro em Praga

Como usar o metro em Praga

Olha o tamanho desta escada rolante!!

T4i2015 - 0978

Para mapas da rede de transporte público em Praga, clique aqui  ou  aqui.

Como ir do Aeroporto de Praga até o centro da cidade ou vice versa?

Não há serviço de trem ou metrô no aeroporto Václav Havel em Praga. No entanto, é possível pegar um ônibus público que te leva até o metrô. Eis as possibilidades para quem:

  • Linha 100: te leva em 18min do aeroporto até a linha “B” (amarela) do metrô de Praga.
  • Linha 119: te leva em 15min do aeroporto até a linha “A” (verde) do metrô de Praga.
  • Linha AE (airport express): te leva do aeroporto até as estações de metrô Náměstí Republiky e Masarykovo nádraží, ambas linha “B”; e estação Hlavní nádraží, Linha “C”. O destino final é a estação central de trem de Praga, que fica há 500m da Praça Venceslau que eu citei aqui no post. Tempo: 35min.

Para mapa e mais informações oficiais sobre as linhas de ônibus descritas acima clique aqui e aqui.

O aeroporto de Praga também oferece opções de shuttlebuses, que são vans ao custo de 150 CZK (5EUR) por pessoa, mais informações aqui.

DICA: se você quer comodidade, nós testamos o transporte privado da empresa Prague Airport Transfers. Reservamos pela internet mesmo, agendamos o dia e horário, o pagamento fizemos em dinheiro ao motorista, que te dá um recibo na hora, bem organizado. Usamos tanto para o dia que chegamos a Praga de trem (translado direto para o nosso hotel), quanto no dia que deixamos Praga (translado do nosso hotel direto para o aeroporto). Carro super confortável. Pagamos 20 euros pelo transporte, valeu cada centavo. Ganhamos ainda um guia de Praga, e duas garrafinhas de água. Fica aí da dica!

Onde se hospedar em Praga

Como fomos durante o festival internacional de música de Praga, tivemos um pouco de dificuldade de encontrar hotéis na cidade. Ainda assim, conseguimos um hotel muito bem localizado (e bem avaliado no TripAdvisor) no centro histórico – Hotel Savic, fica há 300 metros da Old Town Square, próximo das principais atrações turísticas e repleto de opções de restaurantes ao redor. Apesar do movimento pesado de turistas nesta região, os vidros do nosso quarto eram anti ruído, então não tivemos qualquer problema para dormir.

Quarto era amplo:

DCIM\100GOPRO

O Banheiro também, razoavelmente espaçoso:

DCIM\100GOPRO

Um detalhe curioso sobre de nossa estadia: os canais pornôs são abertos, eu descobri acidentalmente passando pelos canais de TV… e 😀 😀 tomei um susto, não esperava! Mas mais engraçado eram os sons dos nossos vizinhos de quarto..acho que eles se inspiraram no canal e começaram a namorar em alto e bom som para todo mundo ouvir! 😀 Na manhã seguinte encontramos eles no elevador e ficou todo mundo com cara de paisagem 😀

O local do café da manhã, era agradável, tinha frutas, omelete, batatas, pães, suco de laranja e multi-vitamina, gostamos.

Se você gostou do Hotel Savic, clique aqui e faça sua reserva com a melhor tarifa – você não paga nada a mais por isso e ajuda a manter nosso blog, pois ganhamos uma pequena comissão em cada reserva.

Ou, confira outras ofertas de hotéis do nosso parceiro, Booking.com:

Booking.com

Mapa das principais trações turísticas de Praga

Marquei em um mapa do google todas atrações citadas neste post, para você se localizar melhor e montar melhor seu próprio roteiro, com as atrações que mais gostou:

Passeios bate e volta em Praga

Se tiver mais 2 dias em Praga (nós ficamos 5 dias na cidade), aproveite e conheça as belíssimas cidades de Karlovy Vary e Cesky Krumlov. Fomos de ônibus, em bate e volta de Praga, bem tranquilo para um dia inteiro de passeio. São passeios muito bonitos, vale a pena conferir – recomendamos caso tenha tempo:

Onde comer em Praga?

Consulte o post abaixo para ver nossas dicas de onde e quanto custa comer na cidade:

Quanto a nossa passagem por Praga, a cidade é realmente muito bonita. No entanto, não sei se porque a cidade estava cheia demais, ou se fomos com muita expectativa, mas Praga não entrou em nossa lista das cidades que mais gostamos na Europa, como Berlim,  Estocolmo, Roma, etc. Ainda assim, pela história recente e beleza indiscutível das atrações turísticas, penso que vale a pena a visita. E você, já foi para Praga? Se quiser compartilhar sua opinião, ou tiver alguma dica, deixe-a na caixa de comentários.

Até a próxima trip!


Seguro Viagem - Segurança obrigatória para sua viagem à Europa
Vai viajar para à Europa? Não se esqueça do SEGURO VIAGEM, pois ele é OBRIGATÓRIO no continente europeu.
Compare diversas seguradoras e tipos de cobertura (inclusive Covid-19) na SEGUROS PROMO, nossa parceira aqui no blog - acesse pelo link e use nosso CUPOM DE DESCONTO: PROXIMATRIP15, para conseguir um preço ainda mais baixo!
Você ainda pode consultar se há algum cupom de desconto ainda maior no próprio site da Seguros Promo antes de finalizar sua compra!
Conheça as principais vantagens:
  • O Melhor preço garantido! Seguros Promo cobre qualquer oferta de seguro viagem.
  • Mais barato do que comprar em seguradoras.
  • Atendimento 24hs e em português!
  • 12x sem juros no cartão ou 5% de desconto no boleto.
  • Assistencia médica e hospitalar, seguro de cancelamento e atraso de voos, seguro bagagem e muito mais.
Comprando através do nosso blog, pelo link ou clicando na imagem acima, você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda nosso site a continuar produzindo matérias de viagens 100% independentes! Muito obrigado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

8 pensamentos em “O que fazer em Praga: roteiro para 3, 4, ou 5 dias com principais atrações

  • Henrique

    O site é bom e interessante, com boas informações dos destinos. Mas esse bloqueio de cópia e cola é extremamente irritante, já impossibilita qualquer maneira de copiar e colar no meu roteiro ou no google.

  • Katia

    Eu irei de Viena até Praga. Então terei de comprar meu ticket no metro e pagar pelas minhas bagagens?
    Outra dúvida, irei na época do natal e passarei o natal em Praga. Vcs sabem onde posso encontrar o horário de funcionamento das atrações turisticas? Quais fecham no dia de natal ou se tudo abre normalmente…

  • Maria Helena da Conceição

    Fui a Praga em 2018, uma das Cidades mais lindas que conheci até agora!Parece que estamos num conto de fadas realmente!
    A cada lugar que passava era uma atmosfera e uma beleza diferente!O que mais admiro na Europa é que podemos fazer todos os pontos turísticos a pé, explorando sem pressa… e descobrindo mais e mais belezas! Me impressionou o busto em homenagem a Franz Kafka, um monumento em metal, com peças que se encaixam e medida que vai girando e ficando disforme até completar o rosto.Adorei!