Série Deserto do Atacama – Ruínas de Pukara de Quitor, Catarpe e Igreja de San Isidro 2



Bem próximo à San Pedro de Atacama fica o sítio Arqueológico de Pukara de Quitor. Pukara significa forte, fortaleza, contruída para preteger os habitantes da região – os ayllu de Quitor.

Ruínas Pukara Quitor Deserto Atacama

A fortaleza de Quitor foi estratégicamente construída na encosta de um morro. Os ayllu não só ficavam mais protegidos, como também podiam observar toda a região, e descobrir com antecedência a aproximação de povos inimigos.

Para explorar as ruínas, você vai ter que subir a pé esse morro… vai sentir na pele – melhor dizendo, nas pernas – o que os Ayllu deviam fazer todo dia, há 700 anos atrás. Eram um povo agrícola, cultivavam as terras férteis daquele pequeno rio lá em baixo.

Ruínas Pukara Quitor vista cidade São Pedro Atacama

A subida é longa…

Longa subita até o topo das Ruínas de Pukara de Quitor

… por isso, leve roupas e calçados adequados para caminhada.

Nós fomos em agosto, em pleno inverno. As temperaturas são agradáveis durante o dia, dá para ficar de camiseta numa boa. Agora de manhã bem cedo e no fim da tarde as temperaturas caem bastante. Se for nesses horários, leve uma blusa de frio.

Ruínas de Pukara de Quitor - trecho melhor conservado

Pausa para descanso… mas vale a pena o esforço. Não só pelas ruínas, mas pela vista!! Na foto abaixo, dá para ver o vulcão Licancabur la longe. Do outro lado, já é Bolívia.

Topo Ruínas Pukara Quitor mirador vulcão Licancabur

Esse mirante aí fica bem no topo do sítio arqueológico de Pukara de Quitor.

Depois de explorar a parte alta, você vai ter que descer tudo de novo, mas não vá embora ainda. Bem pertinho dalí -cerca de 300 metros – ficam duas cabeças gigantes, esculpidas na própria montanha. Dá para subir em cima de uma delas!

Enorme cabeça perto das Ruínas de Pukara de Quitor - São Pedro de Atacama

Enorme cabeça perto das Ruínas de Pukara de Quitor - São Pedro de Atacama

Cabeças gigantes atrás ruínas Pukara Quitor São Pedro Atacama

O sítio arqueológico de Pukará de Quitor fica atrás dessa montanha das cabeças gigantes. Bom, continuamos nossa caminhada e passamos por debaixo desse arco…

… imaginando que algo grandioso estava por vir, afinal, depois caquelas cabeçonas…

mas que nada, o caminho termina desse jeito, nessa caverna aí! A Erika deu uma olhadinha, mas não entrou não…

Localização:

Pukara de Quitor fica a três quilometros de San Pedro de Atacama. Para chegar até lá há várias opções:

– de carro, contratando um tour em San Pedro, geralmente com duração de meio dia e que costuma passar também pela sítio arqueológico de Tulor, ou com próprio carro – o nosso caso;

– de bicicleta, que pode ser alugada em San Pedro de Atacama;

– a pé, se estiver inspirado, já que são seis quilômetrôs ida e volta!

Abaixo, fiz um mapa no google com a localização de Pukara de Quitor. A bandeirinha da esquerda marca a localização das cabeças gigantes, e a da direita o sítio arqueológico. Para saber como chegar, é só diminuir o zoom, clicando no botão “-” do mapa. Siga o caminho laranja, sempre em frente pela calle Domingo Atienza.

 

Bom, sobre Pukara é isso. Nós continuamos em frente, seguindo estradinha que marquei em laranja no mapa. Quatro quilômetros a frente, no vale de Catarpe, fica um outro sítio arqueológico…

Vale Catarpe - São Pedro de Atacama

… mas em um estado de conservação muito pior. Acho que a visita vale mais a pena pela paisagem.

Ruínas no Vale de Catarpe - São Pedro de Atacama

Deste ponto, mais dois quillômetros e chegamos na Igreja de San Isidro, contruída pelos espanhóis como símbolo de sua dominação, lembrando que naquela época a dominação política era muitas vezes expressa pela dominação religiosa:

Igreja de San Isidro - São Pedro de Atacama

Bom, e isso aí! Vou ficando por aqui.

Nossa próxima aventura: dirigimos até o vulcão Licancabur, na Bolívia. Espetacular!!

Se quiser encontrar os melhores preços de hotéis e reservar, pesquise em nosso parceiro, Booking.com:

Booking.com

 

 

 

Promoção de Hotéis:

Ao efetuar sua reserva de hotel em nosso parceiro Booking.com, ganhamos uma pequena comissão – você não paga nada mais por isso e ainda ajuda nosso blog a se manter sempre atualizado e com novidades.

Booking.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 pensamentos em “Série Deserto do Atacama – Ruínas de Pukara de Quitor, Catarpe e Igreja de San Isidro

  • Jonathas

    Olá, estou escrevendo para agradecer os comentários de vocês.
    Passei por San Pedro em novembro, também com meu carro, e me programei com base no site.

    Muito obrigado.

    • Erika

      Olá Jonathas!

      Que legal!! Estamos contentes em saber que aproveitou bem sua trip, bem como ficamos felizes e satisfeitos por ter usado as dicas aqui do blog!!!

      Até a próxima trip!
      🙂