Blue Mountains | Austrália : O que fazer e como chegar



Na matéria de hoje, você vai conhecer o Parque Nacional das Blue Mountains, na Austrália. Trata-se de uma área de mais de 1 milhão de hectares, composta por densa floresta de eucalipto, rochas, planaltos de arenito e desfiladeiros. É Patrimônio Mundial da Unesco desde o ano 2000. Saiba o que fazer nas Blue Mountains, os principais passeios e como chegar – é um excelente passeio de bate-volta de 1 dia a partir de Sydney.

Um dos vários mirantes em Blue Mountains, Austrália

O que fazer no Blue Mountains National Park, na Austrália

Conhecemos o parque das Blue Mountains no começo de outubro, portanto primavera, mas pegamos um dia lindo, céu azul e ensolarado. Faz calor durante o dia e enquanto você está caminhando, mas leve um casaco pois pela manhã e no fim da tarde pode fazer frio! Além disso, para não pagar os preços superfaturados do parque, leve água e snacks para passar o dia. Também recomendamos levar chapéu, óculos escuros e usar tênis confortáveis.

Visitar as Blue Mountains é um passeio para quem gosta de natureza, trilhas e vistas panorâmicas, mas com toda estrutura turística necessária mesmo para os turistas menos aventureiros. Há lojinha de souvenir, lanchonetes, banheiros e ônibus ligando os principais pontos do parque. Para os que não querem se embrenhar no meio do mato, há opções de trenzinho e bondinho com chão de vidro!

E por que Blue Mountains? Isso eu também queria saber e fui pesquisar quando montei meu roteiro de viagem pela Austrália! A região recebeu esse nome por conta do óleo produzido pelas árvores de eucalipto presentes. Há uma alta concentração desse óleo no ar e isso causa a névoa azulada.

Essas minúsculas gotículas de óleo se combinam com partículas de poeira e vapor d’água, e a luz que passa por elas é refratada e, ao olho humano, parece azul! Realmente notamos uma névoa azul no horizonte, e vocês também vão notar pelas fotos!

Para saber o que fazer em Blue Mountains, primeiro você precisa decidir qual dos 6 setores do parque deseja conhecer. O mais famoso de todos, e com fácil acesso para uma day trip a partir de Sydney é a área de Katoomba, considerada a região do coração das Blue Mountains, que foi a que visitamos. As outras são Blackheath, Glenbrook, Lower Grose Valley e Mount Wilson e Southern Blue Mountains area, e são recomendadas se você vai ficar mais dias na região.

cacatuas!

Na região de Katoomba, nosso dia foi super produtivo: caminhamos bastante pelas trilhas, paramos em bonitos mirantes, vimos cachoeiras, fotografamos paisagens, observamos muitas cacatuas fazendo algazarra, e o Gustavo fotografou também os coloridos Lóris (que vimos aos montes nas florestas) e tomamos muito sorvete por conta do calor! 😂

Lóris 🥰

Principais atrações nas Blue Mountains

Em uma visita de 1 dia às Blue Mountains, dá tempo de explorar as principais atrações e pontos turísticos! Os mirantes mais bonitos são o Bridal Veil LookoutBoars Head LookoutEcho Point – Queen Elizabeth Lookout (que ficou com esse nome por conta de uma visita da Rainha Elizabeth ao local, na década de 1950 e em 2014 o Príncipe William e sua esposa Kate também estiveram por lá!).

Para quem curte cachoeiras, a Cachoeira Véu de Noiva (Bridal Veil) é bem popular, assim como Katoomba FallsWentworth Falls e a Leura Cascades, de fácil acesso e com área para piquenique.

A formação rochosa Three Sisters é talvez a mais icônica do parque, que conta inclusive com uma trilha para chegar e caminhar nas famosas rochas. No entanto, achamos que a melhor vista delas é mesmo a partir de algum dos mirantes do parque!

Paisagem no Parque Nacional Blue Mountains, Austrália

Para os que desejam uma experiência mais confortável e sem muito esforço, existem as opções do Scenic World, com teleférico, trem funicular e o Skyway, um cable car com chão de vidro e vistas panorâmicas que atravessa um abismo entres os penhascos das Blue Mountains! Achamos bacana, mas não é um passeio barato! Veja aqui os preços e informações completas.

Skywalk...com chão de vidro!

Para acessar as principais atrações, usamos as trilhas que vão serpenteando os abismos e penhascos do parque, todas bem demarcadas – dentre as principais estão Three Sisters Walk, Prince Henry Cliff Walk, Ruined Castle walking track e Overcloff-Undercliff track. Há também opções de trilhas com vários dias de duração e rotas de trilhas para ciclismo.

Trilha Three Sisters Walk, no Blue Mountains National Park

Uma curiosidade para quem vai conhecer as Blue Mountains: nesta reserva estão presentes todos os tipos de árvores de Eucalipto que existem na Austrália, além disso, sua folha é o alimento de um dos animais símbolos do país, o coala. O Eucalipto é uma árvore nativa da Austrália, é utilizado para fabricação de papel e carvão, além de ter conhecidas propriedades medicinais.

Para quem vai se aventurar nas várias opções de atividades para se fazer nas Blue Mountains, saiba que lá tem bichos bonitos e também aqueles bichos que ficamos um pouco apavorados de encontrar, como cobras e aranhas…Austrália né!? 😅😬 Por sorte, neste passeio não cruzamos com nenhum e também não tinha mutucas ou pernilongos (até porque lembramos de levar protetor solar, mas esquecemos do repelente!).

trilha nas Blue Mountains

Como chegar no Parque Nacional: Sydney – Katoomba

O passeio ao parque das Montanhas Azuis é um excelente programa bate-volta de Sydney, mas é um dia puxado: 3h para cada perna do trajeto e mais o dia cheio de atividades. Nós optamos pelo trem, e para isso, basta comprar um Opal Card (cartão de transporte público de Sydney). Também dá para contratar tours em grupo (mas é o modo mais engessado e caro) ou ir de carro (o meio mais rápido).

O trajeto passo a passo:

  • Na Central Station, pegue trem inter cidades linha BMT – Blue Mountain Line (Lithgow via Parramatta ou Mount Victoria via Parramatta) e desça na Katoomba Station.
  • No ponto na Katoomba St, pegar Ônibus 686 (Katoomba to Scenic World), linha circular, descer no ponto The Lookout Echo Point, Echo Point Rd.

Para mais informações sobre Blue Mountains National Park, veja o site oficial.

Para facilitar no planejamento, o parque também possui um app exclusivo e completo.

Para ler todo nosso conteúdo sobre a Austrália, clique aqui.

Reserve seu hotel ou pousada na Austrália através de nosso parceiro Booking.com! Você consegue as melhores tarifas e nós, um pequeno incentivo para continuar produzindo mais matérias de viagem independentes como esta. Muito obrigada!

Até a próxima trip!


 

 

 

Promoção de Hotéis:

Ao efetuar sua reserva de hotel em nosso parceiro Booking.com, ganhamos uma pequena comissão – você não paga nada mais por isso e ainda ajuda nosso blog a se manter sempre atualizado e com novidades.

Booking.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *