O que fazer na Irlanda do Norte: 5 lugares para conhecer



Hoje no blog, você vai saber o que fazer na Irlanda do Norte: nós indicamos 5 lugares imperdíveis para conhecer nesse pequeno país que faz fronteira com a Irlanda e faz parte do Reino Unido. Lá, a moeda não é o Euro como na vizinha, mas a Libra Esterlina. De cidades a belezas naturais, confira nossa lista dos lugares para visitar na Irlanda do Norte!

Como visitar a Irlanda do Norte?

Nós conhecemos essas atrações a partir de Dublin, na Irlanda, em um tour de 1 dia com a Paddywagon tours. Pagamos 65 EUR por pessoa já com os ingressos dos lugares pagos incluídos. O almoço é pago à parte, em um dos restaurantes de uma pequena cidade escolhida para pausa dos passeios. Para quem está com pouco tempo, é uma maneira de conhecer os principais cartões postais da Irlanda do Norte. Fomos em agosto, no verão, mas pegamos um dia nublado e chuvoso.

Outra maneira é alugando um carro na Irlanda ou Irlanda do Norte e explorar por conta própria. A mão é inglesa, mas as estradas são bem sinalizadas e o asfalto um tapete!

O que fazer na Irlanda do Norte: belas e dramáticas paisagens caracterizam costa do país

O que fazer na Irlanda do Norte: belas e dramáticas paisagens caracterizam costa do país

Belfast, a capital da Irlanda do Norte

A capital da Irlanda do Norte tem algumas atrações como o Museu do Titanic, a escultura The Big Fish e o imponente prédio da City Hall. Na Falls Road, muitos murais retratam a história recente da Irlanda, abordando os conflitos e questões políticas. No tour, o guia deu muitas informações sobre o Mural de Bobby Sands e sobre a Peace Wall de Belfast, onde fizemos rápidas paradas. Outro local curioso – e bizarro, que apenas passamos em frente foi o Hotel Europa, que sofreu nada menos que 36 ataques a bomba em sua história (!), e por isso recebeu o título de “most bombed hotel in the world”.

IMG 7126

Como conhecemos várias capitais na Europa, fica difícil evitar comparações, mas achei Belfast uma cidade meio “cinzenta”, não gostamos muito do (pouco) que vimos na cidade. Acho que o melhor da Irlanda do Norte está mesmo nas paisagens!

Dark Hedges

Dark Hedges virou ponto turístico depois que virou cenário de Game of Thrones: na série, o lugar é retratado como “King’s Road”. Também serviu como lugar de filmagens para o filme Transformers: The Last Knight.  Trata-se da Bregagh Road, cujas árvores formam um bonito túnel com seus galhos. O acesso é pela Ballinlea Road. Nós paramos rapidamente, pois não há estacionamento no local e nem acostamento! Vale a pena visitar se você for para a Irlanda do Norte!

crédito da imagem: Colin Park / Dark Hedges near Armoy, Co Antrim / via wikipedia

crédito da imagem: Colin Park / Dark Hedges near Armoy, Co Antrim / via wikipedia

Giant’s Causeway

Giant’s Causeway ou a Calçada dos Gigantes é a principal atração turística da Irlanda do Norte! Com certeza foi nosso lugar favorito no país! Apesar da chuva, adoramos explorar as colunas de basalto negro que formam uma paisagem única. São quase 40 mil colunas espalhadas pela costa, que foram formadas a partir de atividades vulcânicas há 60 milhões de anos!

GOPR28301

Toda a região foi declarada Patrimônio da Unesco em 1986. Super merecido, pois foi um dos lugares mais diferentes que já estivemos. Para quem gosta de fotografia, paisagens e caminhadas na natureza, recomendamos muito o passeio. Para mais informações, consulte o site oficial.

IMG 7094

Dunluce Castle

O Castelo de Dunluce é um castelo medieval (em ruínas) da Irlanda do Norte. Ele está localizado em um penhasco de basalto no Condado de Antrim, de frente para o mar e é acessível por uma ponte. Abre das 9:30h às 17h, e o ingresso custa £5,50.

Castelo de Dunluce: ruínas medievais na Irlanda do Norte

Castelo de Dunluce: ruínas medievais na Irlanda do Norte

Carrick-a-rede Bridge

A ponte Carrick-a-rede foi originalmente construída em 1755 por pescadores! É uma ponte suspensa e fica perto de Ballintoy, no condado de Antrim. Tem 20 metros de comprimento e 30 metros de altura sobre o mar e leva a  uma pequena ilha chamada Carrick-a-Rede, onde existe um pesqueiro de salmão. No dia em que fomos, estava bem movimentado de turistas e a fila para atravessar enorme! Eu fiquei com vertigem e desisti de atravessar na hora H!

Carrick-a-rede bridge: uma das principais atrações da Irlanda do Norte

Carrick-a-rede bridge: uma das principais atrações da Irlanda do Norte

Mas o que mais gostamos foi a trilha, toda sinalizada e com vista para o mar e para os penhascos. Linda paisagem! Com certeza um dos lugares mais bonitos da Irlanda do Norte! Esse coastal path tem por volta de 1,5 km de extensão. A trilha fica aberta do amanhecer até o fim da tarde, e a travessia da ponte das 9:30h às 18h. A entrada custa £ 9,00.

IMG 7052

Curiosidade: Teoricamente, quando saímos de um país da Europa e entramos no Reino Unido, temos que apresentar o passaporte e passar pela imigração. Mas entre a Irlanda e a Irlanda do Norte, não houve esse procedimento por um acordo de livre circulação entre os países. O nosso guia e motorista aproveitou a situação e ficou fazendo piadas com alguns turistas do grupo, que estavam sem passaporte e ficaram aflitos. Como eu sou precavida, ando sempre com nossos documentos originais. Agora com o Brexit, como será que vai ficar essa questão!?

Viajando pela Europa? Veja o conteúdo completo publicado aqui no blog de diversos países do continente europeu, clicando aqui.

E você, conhece mais algum lugar que não dá para perder na Irlanda do Norte? Conte para nós nas caixas de comentários!

Até a próxima trip!


 

 

 

Promoção de Hotéis:

Ao efetuar sua reserva de hotel em nosso parceiro Booking.com, ganhamos uma pequena comissão – você não paga nada mais por isso e ainda ajuda nosso blog a se manter sempre atualizado e com novidades.

Booking.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *