O que fazer em Toledo: roteiro com principais atrações turísticas 35



Visitamos Toledo em um bate e volta de Madri, fomos de trem bala, bem rápido, vou mostrar aqui nosso roteiro para 1 dia de passeio e todos atrativos turísticos que visitamos, com muitas fotos e mapa ao final do post. Fomos em junho, final da primavera, mas já estava quente, os termômetros em Toledo registraram 34 graus célsius durante nossa visita. A cidade estava relativamente cheia, pois apesar da temporada de férias na Europa ainda não ter começado, a cidade estava se preparando para a tradicional procissão de Corpus Christi, que se daria dois dias após nossa visita.

Como Chegar em Toledo

Fizemos nosso bate e volta em um trem de alta velocidade da RENFE, que faz Madri – Toledo em 30 minutos, super rápido! As passagens compramos direto na estação Atocha, em Madri, mas é possível compra-las também pela internet, no próprio site da RENFE. Para detalhes de como comprar, faremos um post em breve aqui no site dedicado a isso. Abaixo, o nosso trem AVANT:

IMG_1386

O trem de alta velocidade por dentro:

IMG_16181

E nossos tickets:

IMG_1390

Depois de 30min de viagem chegamos na estação de trem de Toledo. Do lado de fora há um ponto de ônibus.

IMG_16051

GOPR1275

Do ponto de ônibus até o centro de Toledo são 1,3km, dá para ir a pé, mas por 2,50 euros você pode pegar o ônibus abaixo, ele para bem aí nessa rua da foto acima e te leva direto ao centro da cidade.

IMG_7350

Existe também um ônibus turístico hop-on hop-off de dois andares – você pode descer e subir quantas vezes quiser, ele passa por alguns atrativos turísticos na cidade e retorna depois para a estação de trem. Custa 8 euros por pessoa.

IMG_7352

O fato de ser hop-on hop-off não é uma vantagem em Toledo, pois o centro turístico é pequeno e muito melhor aproveitado quando feito a pé. Porém, este ônibus tem uma vantagem em relação ao outro: ele tem uma parada no mirante de onde se tira uma das fotos clássicas de Toledo (com o rio Tejo e a cidade ao fundo, mostro ela mais adiante). Considerando que não existe outra forma de se chegar a este mirante senão pela estrada, escolhemos este ônibus. Mas se você não fizer questão de tirar essa foto, pode pegar o outro ônibus (de 2,50 euros), que vai direto até o centro.

Principais Atrações Turísticas

Pegamos nosso ônibus turístico e seguimos rumo ao mirante. Antes, passamos pela ponte e porta de Alcantara, com a vista do Alcazar (castelo) de Toledo ao fundo:

IMG_13921

Depois de 2,5 km chegamos no mirante da cidade de Toledo. O rio na foto é o Tejo, o mais extenso da península Ibérica, e que termina em Lisboa.

IMG_14151

Junto com o rio Tejo, um conjunto de muralhas protegia no passado a cidade de Toledo. Hoje ainda vemos algumas. Duas fotos acima, reparem na foto da porta de Alcantara, existe uma muralha atrás dela, que dá a volta na cidade, acompanhando o Tejo. Suas origens remontam ao Império Romano.

IMG_1435

IMG_14342

Acima e em destaque, o imponente Alcazar de Toledo. Originalmente construído no século III como um palácio romano, foi completamente restaurado no século XVI. Cortés, o famoso conquistador espanhol e desbravador da América,  foi recebido no Alcázar por Carlos I (em 1521) após a conquista dos Astecas.

IMG_14331

Foto acima: Catedral de Toledo.

Seguimos viagem de ônibus para o lado oeste da cidade, seguindo o caminho do rio Tejo. Abaixo, a bela ponte de San Martin e o Monastério de San Juan de Los Reis ao fundo.

IMG_1445

Vistos de outro ângulo, reparem como o rio Tejo e as muralhas realmente protegiam a cidade:

IMG_1447

Durante a Idade Média, Toledo foi ponto estratégico de fornecimento de armas. A cidade dominava técnicas de fundição e fabricação de aços de alta liga. As tentativas de invasão eram constantes, e com isso muralhas e mais muralhas foram construídas. Não é a toa que o Alcazar é hoje o museu do exército. Repare também nos souvenirs à venda pela cidade, metade deles são facas e espadas!

Nosso ônibus turístico deu a volta no Tejo e seguiu rumo ao centro de Toledo. Descemos no Alcazar. Nosso interesse aí era subir em uma de suas torres de observação, que fica na Biblioteca de Castilla la Mancha. Vale a pena pela vista.

IMG_1459

IMG_1457

IMG_14541

Daí seguimos caminhando pelo centro de Toledo,  passamos pela famosa praça Zocodover – que achamos bem bagunçada – e seguimos pela bela Calle Comercio, toda enfeitada para o procissão de Corpus Christi.

GOPR1281

IMG_1461

Calle Comercio:

IMG_14711

Mais adiante, a Catedral de Toledo, já dá para vê-la ao fundo na foto abaixo:

IMG_14811

IMG_14851

Demos a volta na catedral.

IMG_14881

Novamente, as ruas todas enfeitadas para a procissão que iria acontecer aí dois dias a frente. Na verdade, quando soubemos que haveria procissão na cidade, antecipamos nossa ida a Toledo para fugir das multidões, imagine como ficaria isso no dia da festa católica de Corpus Christi!

IMG_14911

A Catedral de Toledo:

GOPR1286

IMG_1494

A torre mais alta da Catedral de Toledo em detalhes, muito bonita:

IMG_14931

Ao lado da Catedral, a Prefeitura de Toledo:

GOPR12871

IMG_14961

Paramos para almoçar no Cafe del Fin. Pedimos o menu do dia, primeiro prato de espagueti con gambas, aceite y ajo, segundo de bisteca de ternera a la plancha com fritas e sobremesa, tudo por 22 euros (p/ duas pessoas).

IMG_4325    IMG_4335

Recarregadas as baterias, seguimos adiante, pelo paseo de San Cristobal:

IMG_1500

Lá em baixo, a rua dos Reis Católicos, que corta o bairro judeu. Nela ficam algumas sinagogas muito antigas.

IMG_1502

IMG_1508

IMG_1511

Logo depois, o Monastério de San Juan de Los Reyes:

IMG_1515

IMG_1519

GOPR1294

Vista da ponte de San Martin, a partir da parte murada de Toledo:

IMG_15121

A Puerta del Cambrón, uma das mais antigas da cidade, possivelmente já existia durante o período dos Visigodos (primeiros séculos depois de Cristo), passou pelo domínio dos Árabes e no século passou a ser chamada de portão dos judeus devido a sua localização (dentro do bairro hebreu):

GOPR1296

IMG_1525  IMG_1522

IMG_1529

IMG_1531

IMG_153212

A belíssima Puerta del Sol. A passagem pelo portão tem o formato de uma chave,  e medalhão acima dela retrata o rei visigodo Idelphonso – em homenagem ao período de dominação visigodo de Toledo. O nome desta porta vem do sol e da lua, antigamente retratados em cada lado do medalhão.

IMG_1543

Uma plaquinha lembrando que Toledo foi declarada pela Unesco em 1986 Patrimônio Cultural da Humanidade:

IMG_1550

E outra com dizeres de Cervantes:

IMG_1549

IMG_1548

Passamos pela mesquita Bab-al-Mardum, atualmente denominada Cristo da Luz. Foi construída no ano 999, quando Toledo estava sob domínio Muçulmano. Mesmo após 1.000 anos de história, esta mesquita é uma raridade na cidade, tendo mudado muito pouco desde sua construção sob domínio Árabe.

IMG_1553

Logo al lado, fica a Puerta Bisagra:

IMG_1146

GOPR1301

Um pouco mais acima, outro mirante, com vista para o norte da cidade:

IMG_1152

IMG_15761

IMG_1587

Já era hora de voltarmos, nosso passeio estava chegando ai fim. Pegamos nosso ônibus hop-on hop-off e retornamos para a estação de trem.

IMG_1596

De cima do ônibus ainda deu tempo de bater essa foto aí de baixo – do Alcazar, Tejo e Ponte de Alcantara, e que eu sinceramente até hoje não sei como deu certo, bati com o ônibus em movimento e todo torto!

IMG_1599

Abaixo, marquei em um mapa todos as atrações turísticas que citei no post, para que você possa programar seu próprio roteiro em sua visita a Toledo.

Espero que tenham gostado, porque nós adoramos.

Até á próxima trip!!


 

 

 

Promoção de Hotéis:

Ao efetuar sua reserva de hotel em nosso parceiro Booking.com, ganhamos uma pequena comissão – você não paga nada mais por isso e ainda ajuda nosso blog a se manter sempre atualizado e com novidades.

Booking.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

35 pensamentos em “O que fazer em Toledo: roteiro com principais atrações turísticas

  • Danielle

    Olá ! Adorei a postagem, principalmente onde comer… heheh…
    Gostaria de saber uma coisa, nessas atrações que vocês foram alguma foi paga ? Se sim, quanto foi cada uma ?
    Vou em agosto para lá e o post me ajudou muito !

    Obrigada,
    Danielle

    • Erika

      Oi Danielle, fizemos apenas um sightseeing, como tínhamos apenas 1 dia não entramos em nenhuma atração, portanto gastamos apenas com o onibus hop on hop off ( que é totalmente dispensável, não pegaríamos ele novamente) e o almoço:) boa viagem

      • Cristiane

        Erika, boa noite. Pelo fato de ser desnecessário o hop on hop off, existe onibus q nos leve aos pontos turísticos? Pq irei com 2 crianças e andar por tudo pode ser cansativo.

        • Erika

          Oi Cristiane, no seu caso, como está em mais pessoas e ainda com crianças, pode pegar um táxi se achar necessário, as distâncias são curtas. A outra alternativa é o ônibus de linha que leva direto ao centro, a diferença em relação ao ônibus turístico hop on hop off é que este é bem mais caro, mas em compensação o fato de o ônibus ser colorido e aberto na parte de cima pode ser mais divertido para as crianças!

  • Anna

    Olá ! Muito boas suas dicas. Para completar todo este roteiro que vocês marcaram quantas horas foram gastas ? O ônibus de turismo passou por todos estes pontos ou vocês fizeram os percursos a pé (com exceção do mirante que você menciona) ? Muito obrigada Anna

    • Gustavo Autor do post

      Anna, nesse dia ficamos a tarde toda em Toledo. Fizemos um mix do onibus hop-on hop-off com passeios a pé, mas a maior parte do passeio foi batendo perna mesmo. Boa viagem!

  • André Sena Pereira

    Acompanhei todas as informações e são precisas. Peguei o primeiro trem. Mas comprei a passagem no dia anterior. Não deixe pra comprar muito próximo pois a espera é grande. Fim de primavera é muito quente e seco, haja água. Almoço bom e barato. Comi no Café del fin. Problemas: comprei uma espada decorativa de Toledo. A vendedora nos orientou mal. Quase perdemos o trem de volta pois os seguranças da Renfe – mal educados, mal humorados e ignorantes – não no deixaram embarcar antes de novo embrulho em papel cartão. Que sejam punidas os lojistas e não os turistas. Fora isso Toledo e inesquecível.

  • Frederico

    Acabei de fazer seu roteiro… me ajudou bastante… foi maravilhoso, inclusive fui seguindo o passo a passo! Rs Mas o ônibus turístico é uma furada, só me fez jogar 7 euros (20 reais)… no ralo! kkkkkkk Pq quando pegamos um ônibus normal (3 euros agora e o turístico tá 10) e descemos em Alcázar podemos fazer tudo à pé, inclusive a ida ao mirante. Abs.

    • Erika

      Oi Alexandre, como a cidade é muito turística, acho difícil que encontre atrações fechadas, talvez uma ou outra exceção. O que pode ocorrer sim, em qualquer dia e não somente domingo, é o intervalo da siesta, em restaurantes e lojas nos deparamos com esse fechamento temporário em várias cidades!

  • Wesley Aoyama

    Parabéns, pelo post. Vou pra Madri em fevereiro/2018 e pretendo passar um dia em Toledo. Tenho umas dúvidas: o ônibus hop-on hop-off para lá na estação de trem também? Você paga direto para o motorista mesmo? Os locais onde ele para são bem sinalizados? Gostei da forma que vc relatou no post, pegou o ônibus para ir no local mais longe e depois ficou andando pela cidade. Se não pegarmos o ônibus hop-on hop-off, qual a alternativa pra chegar no mirante, tem ônibus comum que chega lá?
    Obrigado.

    • Gustavo Autor do post

      Wesley, a resposta é sim para todas suas perguntas. Com relação ao mirante, conforme comentamos no post, para chegar lá de ônibus só com o hop-on hop-off. Dá também para ir a pé da cidade, mas é uma boa caminhada (um de nossos leitores do blog já fez isso, dê uma lida nos comentários). Uma alternativa barata de onibus da estacao de trem até o centro, é pegar o ônibus de linha, esse que mostramos na matéria escrito “Toledo centro directo”. Escolha o mais adequado para você. Obrigado pela visita e boa sorte!